quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Estou de Chico







Um lugar deve existir

Uma espécie de bazar

Onde os sonhos extraviados

Vão parar

Entre escadas que fogem dos pés

E relógios que rodam pra trás

Se eu pudesse encontrar meu amor

Não voltava

Jamais