segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

By Jô Miyagui

Hoje é dia da "Visibilidade Trans", por isso fiz um resumo classificatório desse tema tão confuso para a maioria de nós.

- Gênero - é o sexo biológico, geralmente homem ou mulher. Também existe a intersexualidade (hermafroditas), situação genética que complica a simples classificação de homem ou mulher, pois há características de ambos.

- Identidade de gênero - é como a pessoa se sente (se identifica) em relação ao gênero: como homem, mulher ou transgênero (ou transexuais). O transgênero é quem se identifica como sendo o contrário do gênero de nascimento. Podem ser homens trans, as travestis e transexuais. Homem trans é uma pessoa que nasceu como mulher mas se sente homem. A Travesti se identifica como sendo mulher mas não sente necessidade de fazer operação de mudança sexual. As transexuais são aquelas que desejam ou fizeram a transição de sexo através de hormônios e cirurgia. Quem se comporta e se reconhece psicologicamente com o sexo que nasceu é denominado cisgênero. De acordo com pesquisas, a transexualidade é BIOLÓGICA, ou seja, ninguém se torna, já nasce. 

- Orientação sexual - refere-se à atração sexual, ou seja, se gostam e se sentem atraídos por homem, mulher, ambos ou nenhum. Heterossexuais se atraem pelo oposto. Homossexuais gostam de pessoas do mesmo sexo (gays e lésbicas estão nessa categoria), bissexuais se atraem pelos dois e assexuais não tem desejo sexual. Travestis, transexuais e homens trans podem ser heterossexuais, homossexuais, bissexuais ou assexuais.

(Como o texto é uma simplificação, os mais especializados vão criticar, pois há muito mais subgrupos do que os descritos. Algumas classificações que eu fiz aqui também serão alvo de controvérsias, já que não há unanimidade sobre o tema. Mas acho que ajuda a esclarecer um pouco sobre o assunto.)