segunda-feira, 9 de julho de 2018

REPUBLIQUETA

RESUMINDO O DOMINGO
1) A Rede Globo governa o Brasil, coadjuvada pela juristocracia partidarizada e golpista.
2) A ordem jurídica está suspensa no país. Ordem judicial se cumpre. Certo? A PF de Curitiba discorda.
3) A lei não garante a Sérgio Moro qualquer interferência no caso. O juiz de primeira instância, no entanto, agiu segundo mandato que lhe foi conferido pela Rede Globo.
4) Gebran não faz justiça, mas ativismo político raso e persecutório. Coerente com sua atitude no julgamento do recurso pelo TRF-4. Cerceou o trabalho das equipes de defesa e desconsiderou todas as evidências irrefutáveis da inocência do ex-presidente.
5) O togado Thompson Flores segue a história de sua família, sempre ligada ao arbítrio e à supressão da democracia, desde que seu antepassado rumou à Bahia para chacinar o povo de Canudos.
6) Thompson assumiu-se como um superior dos demais magistrados. Não é.
7) A Rede Globo definiu todo o roteiro deste capítulo do golpe. Foi escrito durante todo o dia na GloboNews.
8) A mídia oligopolista destacou o termo "plantonista" para desqualificar o desembargador Favreto, como se fosse um estagiário substituto.
9) A síntese do processo político, no Brasil, ficou a cargo de Gerson Camarotti, um militante ativo do golpe, jornalista que corrompe todos os preceitos éticos da prática jornalística.
10) Vivemos em um regime de exceção, uma Nova Ditadura.